Cinema

“O verde está do outro lado”, filme de Daniel A. Rubio, traça um paralelo entre as experiências dos dois países a partir da perspectiva da Província de Petorca, a 200 quilômetros de Santiago, e de Correntina, que fica no oeste da Bahia.

Estreia nesta quinta-feira, 22 de agosto, o documentário “O verde está do outro lado - os donos da água”, que alerta sobre as consequências da privatização da água no Chile e no Brasil. Primeiro longa do cineasta Daniel A. Rubio, o filme será lançando nas cidades brasileiras de São Paulo, Santos, Rio de Janeiro, Brasília, Curitiba, Salvador, Belo Horizonte, Recife e Porto Alegre.

A produção traça um paralelo entre as experiências dos dois países a partir da perspectiva da Província de Petorca, a 200 quilômetros de Santiago, e de Correntina, que fica no oeste da Bahia. Entrevistas com moradores das duas regiões, ambientalistas e políticos dão o panorama dos efeitos da privatização da gestão da água. No Chile, tal medida levou a consequências econômicas drásticas, a uma crise hídrica sem precedentes, e ao aumento da desigualdade social e da pobreza.

Assista ao trailer do filme:

Video

“O Verde Está do Outro Lado - Os donos da água”

Ficha técnica

O verde está do outro lado - os donos da água | Brasil/Chile, 2018, 76 min, 10 anos.

Direção e roteiro | Daniel A. Rubio

Produtora e distribuidora | Lira Filmes

Coprodutora | ArtVer

Produção Chile | Andrea Rubio Apiolaza

Produção Brasil | Juliana Lira, Roberto Gonçalves de Lima, Cristina Livramento, Flavio Fontes, Lara Dezan, Priscila Ihara, Yolanda Barbosa